Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/05/15 às 18h47 - Atualizado em 30/10/18 às 12h21

Planetário inaugura exposição sob as estrelas ao som de música clássica

COMPARTILHAR

Constelações estelares, galáxias e nebulosas compõem a exposição Universo Surpreendente

Brasília, 6/5/2015 – O Planetário de Brasília inaugurou nesta quarta-feira(6), a exposição Universo Surpreendente, com apresentação do Quarteto de Cordas da Orquestra Sinfônica de Brasília. A exposição é uma iniciativa do Planetário de Brasília, com fotos cedidas pela organização intergovernamental de ciência e tecnologia preeminente alemã (ESO), e aborda a concepção, construção e funcionamento dos maiores observatórios astronômicos terrestres do mundo, possibilitando importantes descobertas científicas. 

O ESO opera três observatórios de ponta na região do deserto de Atacama, no Chile: La Silla, Paranal e Chajnantor, situados a 2.400 e 2.600 metros de altitude. O New Technology Telescope, de 3,5 metros, abriu um novo caminho na concepção e construção de telescópios e foi o primeiro no mundo a ter o espelho principal controlado por computador, uma tecnologia desenvolvida no ESO e hoje aplicada a maior parte dos grandes telescópios mundiais. O telescópio de 3,6 m do ESO possui o principal responsável pela descoberta de planetas extrasolares do mundo: HARPS (High Accuracy Radial velocity Planet Searcher), um espectrógrafo com uma precisão sem precedentes. Por ano, são apresentadas 2.000 tipos diferentes de situações e espectros a serem observados pelos telescópios do ESO, o que corresponde de quatro a seis vezes mais noites do que as que vemos a olho nu.

Painéis fotográficos de galáxias globulares em forma de sombrero (chapéu mexicano), situadas a cerca de 70 milhões de anos-luz de distância, nebulosas planetárias e aglomerado estelar, como a de Centauro, compõem a exposição Universo Surpreendente. As fotos foram tiradas por um telescópio com tecnologia de ponta e padrão de referência da astronomia europeia, o Very Large Telescope (VLT), e pelo famoso Telescópio Espacial Hubble. Réplicas das roupas usadas pelo astronauta brasileiro, Marcos Pontes, também fazem parte e estão disponíveis fotos.  

Os convidados assistiram a projeção do céu de Brasília na cúpula do Planetário ao som de Vivaldi, Mozart, Handel e Bach, desenvolvidos pelo Quarteto de Cordas da Orquestra Sinfônica de Brasília. Em seguida, dirigiram-se ao mezanino para apreciarem diferentes fotos de galáxias globulares e espirais, nebulosas planetárias e remanescentes de supernovas. A abertura da Exposição Universo Surpreendente contou com a presença da primeira-dama Márcia Rollemberg, secretários de estado, representantes de empresas públicas e privadas e funcionários da Secti e FAPDF.   

A entrada é gratuita e aberta ao público, e o período de visitação segue por tempo indeterminado. O Planetário funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 21h, e aos sábados e domingos, das 8h às 20h.